08/01/2013

FLOR GARDUÑO : Sagrado e profano, intimidade e exposição.


Flor Garduño.

Fotografa e Artista.

Nascimento: 21 de Março de 1957.

Cidade do México.

O uso da luz e da sombra, sem a utilização de luz artificial e o equilíbrio da composição determinam o trabalho da artista. Suas imagens refletem uma forma de arte que pode ser encontrada no ritual, e na natureza do espaço e do tempo. Ela sabe como capturar a cultura de seu país e, ao mesmo tempo explorar seu próprio mundo interior . 






















Sagrado e profano, intimidade e exposição.

Mostra-se assim;
 na natureza profana,
exposição sagrada,
intimidade sem medo,
paraíso de pecado.
inferno de anjos,
Que amam e amam. 

FONTES:

SITE OFICIAL

WIKIPEDIA

BIOGRAFIA.

FOTOMANIA.

IMAGENS PESQUISADAS NO GOOGLE.