31/03/2013

BRILHO

Quando apago a luz,
Ainda posso ver
O brilho de teu olhar,
Quanto mais escuro,
Mais ilumina.
Quanto mais noite,
Mais próximo do dia.
Quanto menos esperança,
Mais vida tenho pela frente,
Mais humano e sem desespero.
Pois tenho seus olhos,
No abrir e fechar dos meus.