18/05/2013

LINDA NOITE


A noite guarda segredos,mistérios e olhares, que não se revelam por completo. Linda...Com sua pele clara, sombreada pelo véu da noite. Seus lábios de um delicado vermelho, contrastavam com seus olhos negros de brilho inconfundível, mesclando convicção e incerteza, paixão e desapego. 

Ela estava esperando alguém ou algo. Mas nada de relevante acontecia; os carros seguiam o trajeto; pedestres andavam vagarosamente em direção as suas rotinas. E a noite seguia imóvel a mover os destinos sem rumo. Tudo era igual as noites anteriores, menos ela...Quase imóvel...Até que começou a andar a ponto de sair do território que constituía a praça. E se foi. E a praça ficou desabitada, mesmo com tantos a ocuparem o deserto.