01/08/2013

A morte e o nada





Quando morrer 
Retornarei ao que era,
Antes de viver,
Me confundirei com o nada.

Lembranças e sentimentos,
Riscados do espaço,,
Onde a cada dia estarei menos,
Até não estar mais.