03/09/2013

NOSSO POEMA



Nosso poema,
Primeiro e último,
Poucas palavras,
e muito silêncio.
Um relacionar-se
sem relacionamento,
Como se o amanha ,
estivesse mais distante,
a cada centímetro,
que comprimo teu corpo
com o meu abraço.