29/10/2013

ANGUSTIA



A minha angustia,
não é medo da vida,
nem receio da morte.
É essa liberdade mórbida,
Em que tudo pode,
e nada é permitido.