17/12/2013

CALENDÁRIO

                 


                  Um segundo que passa,
                  Um segundo a menos,
                  Seguem-se os minutos,
                  As horas os dias.
                  Semanas e messes,
                  Anos e décadas,
                  E morre-se sem saber,
                  Ou talvez, 
                  Por breve instante,
                  Der-se por conta;
                  Que calendário,
                  Não é dia a mais,
                  Mas a menos.