27/01/2014

MISTÉRIO E ENCANTO

Fotógrafa Katerina Plotnikova


Elegância de mulher,
Traços de bela moça,
Num mistério de menina.
Jeito que desconcerta,
No olhar e sorriso,
No brilho de vertigem,
Que deixa tonto e revela,
Que a vida deve ser bela,
E a beleza expressão da vida.

25/01/2014

GESTOS


Teus gestos dizem tudo,
E esse silêncio enlouquece,
Qualquer sentido comprado.
Se não vamos sair vivos mesmo,
Por que tanta precaução e medo ?
As guitarras anunciam a nossa vez,
O tempo fechou e a tempestade chegou,
O universo é pequeno demais,
Para ficarmos vagando sozinhos.
A distancia fere e ensina,
Os gestos são versos sem rima,
Descompasso do corpo que fala,
Palavras que só existem na ausência.


20/01/2014

Religião do Maconhado Coração de Bob Marley



A experiência religiosa é com certeza a mais rica e original forma de vida. Os seguidores do verdadeiro e único filho do todo poderoso ,aquele que veio a terra para nos apresentar a melodia e a erva sagrada,que purifica o corpo e liberta a alma, fundaram a religião que reintegra o ser humano a natureza e a satisfação plena.

Para consagrar o filho do homem ,o homem  na figura do pastor Juarez e de seus discípulos ,criaram com a permissão do pai, registrada em cartório, a Religião do Maconhado Coração de Bob Marley.

Na Religião do Maconhado Coração de Bob Marley o pastor Juarez abençoa a santa erva e a comunhão começa com cada irmão puxando seu trago.

E o pastor adverte :
- Irmãos ,apenas um trago ,muito respeito com o corpo e o sangue que se fizeram verdes ,para curar nossas feridas e aliviar a percepção dos problemas.

E assim a respiração se faz fumaça e os irmãos Reinaldo e Edcarlos confabulam :

-Irmão Reinado , será o céu mesmo azul , e o céu de tua boca irmão, que gosto tem ?

-Meus lábios tem o gosto do vinho ,filho da estiagem do meu peito vazio em busca dos lábios de mel do amor que teimo em não entregar meu corpo nu.

- Que lindo irmão. Compartilhemos o furor de nossas chamas com o dono da pena de nossos destinos malditos .

E assim a história cessa nas linhas tortas de uma mente desviada,antes que o narrador da mesma, se faça presente no bacanal que se anuncia, entre as falas de um pastor que coleciona filmes pornos e a embriagues de dois jovens professores,maculados pela vida e pelo amor . 

A história acima é puramente ficcional  como todas as outras também o são,e os nomes dos personagem não tem qualquer relação com pessoas reais. 
:

19/01/2014

CURVA DA MESMA CARNE.



Tanto dentro como fora,
Somos a curva da mesma carne,
O músculo do mesmo esforço.
O sofrimento descontente,
Do gozo com intervalos menores.
Somos a soma sem resultado,
Que prolifera e contagia.
Os filhos do nada ,
O absurdo da vida,
A melodia dos gemidos.

16/01/2014

DANE-SE


Se der errado,
E não tiver jeito,
Relaxe;
Leia um bom livro,
Perceba os movimentos,
Elabore a teoria,
Reformule a prática,
Desconstrua o bom senso,
Made tudo pro inferno,
Vá junto,
Retorne,
Beba um pouco ou demais,
Dê uma boa trepada,
Não esqueça do trago
E ai;
pode continuar errado.


13/01/2014

SOBREVIVENTE


Na velocidade,
da melodia,
da bala engatilhada,
prestes a sangrar,
o coração amante,
de um soldado vencido,
de um homem cansado,
de um filho abandonado
de um bêbado sóbrio,
que canta e chora
a lágrima de um riso seco.
Desaprendeu a sonhar,
e corre pelo mundo,
para se perder si,
enquanto  busca ninguém,
pra lhe cuidar as feridas,
e lhe beijar os pontos sensíveis,
que a guerra tentou devorar,
mas que pedem o carinho,
o envolvimento de braços,
do corpo quente de mulher,
prestes a contar-lhe os problemas,
para que ele volte a ter os seus.





10/01/2014

ÁGUAS




Deixe lhe dizer algo :

A dor não passa,

ela vai, mas logo volta,

por isso tens o abraço,

para o choro sair apertado,

e demorar o máximo,

a habitar o teu lago.

08/01/2014

LINDA MULHER


Fotógrafa Katerina Plotnikova



Uma linda mulher,

Não está na moda,

Foge a todo padrão,

Tem um estilo roubado,

Um silêncio que fala,

Um fel doce que molha a boca,

E distrai de encanto a atenção.

Uma linda mulher não tem medida,

Não tem cintura grosa ou fina,

Não tem pele branca ou negra,

É alta ou baixa,

Mas fica sempre na altura do beijo.



PASSOS


A cada dia que passa,
A cada passo,
Sonho acordado,
E durmo sem sono.

A cada olhar,
A cada briga
A cada beijo,
Desejo mais,
Sempre insatisfeito.

A cada bala desviada,
A cada tiro incerto,
Melhoro e morro um pouco mais.

04/01/2014

NOSSA CARNE



Não durma até eu chegar,
nem corra sozinha na praia ,
pelos próximos dias ,
sonharemos acordados,
e dormiremos exaustos,
molhados de suor e saliva ,
e todas as metas aos pés,
enquanto navegamos no nada,
e fumamos ervas de amor e paz.
E na tua pele de anjo caído,
o meu demônio habita e balbucia,
cuspindo em teu ventre a semente
de tuas lágrimas e alegrias futuras,
depositadas em meus braços ,
e passando a ser também minha carne.

03/01/2014

NO MESMO CAOS


Meu bem, não acabou
somos dois no mesmo caos
como você está ?
como foi seu dia ?
bebeu tudo sozinha ,
ou esqueceu com lágrimas ?
Não estou aqui pra julgar,
nem pra lhe mostrar o caminho,
mas andemos juntos,
pelo menos até a dor passar,
depois a decisão já foi tomada,
o nosso futuro é perda de tempo,
deixe-me gastar com você,
antes que ele me coma inteiro.
Os meus ossos te pertencem,
a força e a energia  miram teu corpo,
e saboreiam-te em orgasmos controlados,
na espera da desesperança pra roubar-te.

ENTRE AMIGOS E VINHOS



Entre amigos e vinhos,
Pensamentos de fumaça,
sobrevoam o quintal ,
e esbarram na sobriedade.

Agora somos casados,
sobrinhos comportados,
profissionais do magistério,
prostitutas em busca de prazer.

Esperamos pelo amanha,
sabendo que o dia acabou cedo,
e com o gosto da destruição por provar,
quem sabe hoje o sonho possa acabar.

Depois tudo será pior,
a bebida perdendo o efeito,
o giz no quadro negro ,
a esperança como veneno sem efeito .

cada vez que o sol nasce
é mais uma chance pra chorar,
e as vezes é quase insuportável,
conhecer cada passo do dia seguinte.

Enquanto isso o sono,
se nada acontecer,melhor
a vida terá outros para comer,
dormindo como se nunca tivesse sido,
qualquer coisa que tenha existido.

De hoje eu não passo,
a noite fará o trabalho,
que o preço da droga não permitiu,
quem dera  o mundo me cuspir.

Não há nada de especial na última noite,
eu não poderia estar aqui sozinho,
mas o que restou foram palavras,
que não dizem tanto quanto o silêncio.

02/01/2014

PEDRAS NO CAMINHO



Pedras no caminho
as mesmas pedras,
no mesmo caminho,
cortando os pés descalços,
ensinando a desistir,
mais cedo ou mais tarde,
você vai cansar e cair.

lágrimas e sorrisos enterrados,
sonhos e ilusões esquecidos,
amigos cada vez mais distantes,
corpo velho pedindo pra parar,
amores que deram errado,
e não tem salvação pra alma,
a alma é a primeira a morrer.

o mundo desistindo de lhe sustentar,
a comida sem o gosto de antes,
o corpo caindo
a alma morrendo,
o sexo mutilado,
a vida perdida.

Enquanto houver tempo,
caminhe pra morte,
leve a lâmina ao pescoço ,
deixe a vida para os vivos,
a infância que lhe espera,
é muito pior que a morte,
caminhe pra morte.



Não sejam tão ingénuos; o suicídio é um grito de vida e não de morte, para os que continuam vivos é lógico.  Felipe Richard

Não sou pessimista, amo a vida mais que a mim mesmo. Felipe Richard

01/01/2014

ETERNO RETORNO

Não diga,
eu sei,
foi pouco,
longo
e cansativo.
Mas acabou,
a ferida fechou
o choro secou,
o sorriso abriu,
a mágoa morreu,
a vida renasceu,
e estamos aqui,
prontos a começar,
tudo de novo,
até o intolerável.